Nova diretoria da ABEMI tem agenda relevante para o setor na gestão 2019/2022

Nova diretoria da ABEMI tem agenda relevante para o setor na gestão 2019/2022

Foco em ações voltadas à competitividade e à integridade está no topo das prioridades da nova diretoria da ABEMI, que tomou posse no dia 26 de março, para o período 2019-2022. Com mais de 20 anos de ativa participação nas diretorias e nos conselhos anteriores, um detalhado planejamento estratégico e muito entusiasmo, Gabriel Aidar Abouchar é o novo diretor-presidente, em lugar de Nelson Romano. Rafael Ribeiro de Mendonça Lima assumiu como diretor vice-presidente.

Em seu discurso de posse, Gabriel agradeceu a Romano e à diretoria anterior pela “gestão de grande valia”, que conseguiu fazer a associação se manter viva e ativa num período extremamente desafiador. Lembrou também dos ex-dirigentes da associação Geraldo Jorge Ferreira e Manoel Lopes, que o ensinaram a entender o papel e a importância da ABEMI.

Segundo Gabriel, muitas das iniciativas do planejamento estratégico já estão em andamento e devem agregar muito valor à associação e aos associados, além de fomentar sua expansão sustentada.

Entre os destaques, ele aponta projetos voltados à competitividade, inovação, tecnologia e processos, como uma parceria que está sendo firmada com o SENAI, e o acordo com a Trace, uma certificadora de compliance norte-americana. “Algumas empresas do setor de engenharia falharam no passado. Vamos incentivar nossas associadas a buscar a certificação e o selo Trace, que indicam uma atuação exemplar de compliance”, afirma Gabriel.

 

 

Participação e renovação

Também estão previstas a criação de um comitê jurídico, com a participação das empresas associadas e foco no decreto-lei 13.303, oriundo do 8.666 da reforma trabalhista, ações para fortalecimento da ABEMI e de sua representatividade e iniciativas visando ao aumento de receita da associação.

Com 47 anos de engenharia e 20 de intensa participação na ABEMI, uma das metas de Gabriel é o rejuvenescimento e a renovação das lideranças da associação. Nesse sentido, a nova diretoria e o conselho contam com executivos mais jovens, incluindo o vice-presidente. “Queremos receber sugestões e ideias de todos os associados. As portas estão abertas, frequentem esta casa”, convida.

 Os investimentos são urgentes

Outra preocupação é a grande dificuldade vivenciada por inúmeras empresas de engenharia e construção. “Constatei baixa carteira de negócios, muitas em recuperação judicial e todas aguardando a reativação do mercado, o início dos investimentos em infraestrutura. Todos esperançosos, vivendo um clima de otimismo gerado desde as eleições, mas sem resultados concretos”, afirma.

Para o novo diretor-presidente da ABEMI, o governo precisa rapidamente conseguir a aprovação da reforma previdenciária e gerar estabilidade econômica para que o investidor nacional ou estrangeiro tenha confiança de investir no Brasil.

Estamos na hora do otimismo com realismo. O governo tem de se preocupar menos com ideologia e costumes e focar no controle da inflação, em manter os juros mais baixos e em fomentar o crédito e financiamento, a política industrial e desburocratização. São condições essenciais para uma economia saudável, crescimento de longo prazo e expansão segura dos negócios e dos empregos”, destaca, lembrando que uma de suas metas é dirigir a ABEMI com alma e coração, entusiasmo, vigor e juventude.

Gabriel se manifestou ainda sobre outra grande preocupação do setor: os recentes desastres em grandes obras. “A engenharia é exata, o homem é que erra. Se o homem não agir corretamente, de acordo com a boa técnica e o bom senso, novas calamidades ocorrerão”, conclui.

 

Diretoria eleita para o período 2019-2022

Diretor-presidente: Gabriel Aidar Abouchar (Enconsult Engenharia e Consultoria Ltda.)

Diretor vice-presidente: Rafael Ribeiro de Mendonça Lima (Toyo Setal Empreendimentos Ltda.)

 

Diretores dos setores de serviços

Engenharia: Márcio Alberto Cancellara (Projectus Consultoria Ltda.)

Construção Civil: Saulo Vinicius Rocha Silveira (Construtora Norberto Odebrecht S.A.)

Fabricação: Paolo Fiorletta (Metroval Controle de Fluídos Ltda.)

Montagem e Manutenção: Oscar Simonsen Junior (Montcalm Montagens Industriais S.A.)

Logística: Henrique Zuppardo Junior (Megatranz Transportes Ltda.)

 

Conselheiros eleitos para o período 2019-2022

Engenharia

Titular: Thiago de Araújo Franco da Fonseca (Doris Engenharia Ltda.)

Construção Civil

Titular: Joel Eduardo Alves Peito Júnior (Método Potencial Engenharia S.A.)

Suplente: Fernando Antônio Quintas Alves Filho (Construtora OAS S.A.)

Fabricação

Titular: Hideo Hama (Fluxo Soluções Integradas Ltda.)

Suplente: Elcio Pasqualucci (Snef Serviços e Montagens Ltda.)

Montagem e Manutenção

Titular: Francisco Assis de Oliveira Rocha (UTC Engenharia S.A.)

Suplente: Paulo Nishimura (Niplan Engenharia S.A.)

Logística

Titular: Alfredo Americano da Costa (AP Consultoria e Projetos Ltda.)

Suplente: Roberto Kochen (Geocompany Tecnologia, Engenharia e Meio  Ambiente Ltda.)

 

Editora Conteúdo/Abgail Cardoso

Compartilhar notícia: Facebook Twitter Pinterest Google Plus StumbleUpon Reddit RSS Email

Comentários